Tropifagia: uma experiência de psicossociologia do sul tropical

Aline Carvalho, Thiago Pondé

Resumo


A fim de contribuir para uma Psicossociologia que se proponha contra-hegemônica na América Latina, este artigo apresenta, por meio do conceito tropifagia – “comer o país tropical” –, uma metodologia psicossocial de produção criativa executada pela Cena Tropifágica: os intercâmbios culturais. Propondo a mediação sensível entre as diversidades a partir do processo de criação artística, essa metodologia se contrapõe à descontextualização cultural e política da produção de conhecimento para questionar a pretensa hegemonia da ciência moderna. Sob a perspectiva do conhecimento pós-moderno e aliada às formulações de uma ciência popular, o artigo evoca uma possível Psicossociologia do sul tropical: uma produção de conhecimento que se baseia na sensibilidade e desafia os pressupostos cartesianos da racionalidade, tendo como ponto comum justamente a diversidade de saberes e práticas como resistência.


Palavras-chave


Tropifagia, Psicossociologia, Sensibilidade, Conhecimento pós-moderno, América Latina

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

A Revista Pesquisas e Práticas Psicossociais é uma publicação eletrônica, mantida pelo Laboratório de Pesquisa e Intervenção Psicossocial e pelo Programa de Mestrado em Psicologia da Universidade Federal de São João del-Rei (LAPIP/PPGPSI/UFSJ). É um periódico aberto, registrado com o ISSN 1809-8908, de acesso livre na internet publicado quadrimestralmente, desde 2006. http://www.seer.ufsj.edu.br