Suicídio na população de 10 a 19 anos em Minas Gerais - 1997 – 2011

Luiza Cantão, Nadja Cristiane Lappann Botti

Resumo


O suicídio está entre as dez principais causas de morte no mundo em todas as faixas etárias, ocupando o terceiro lugar na população entre 15 e 34 anos. A adolescência tem sido considerada como período vulnerável ao comportamento suicida. Objetivou-se realizar estudo epidemiológico de mortalidade por suicídio entre adolescentes de 10 a 19 anos no Estado de Minas Gerais. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório, transversal, quantitativo de dados secundários registrados no Sistema de Informações sobre Mortalidade. Incluídos os óbitos de residentes em Minas Gerais, entre 10 e 19 anos, de 1997 a 2011. No período ocorreram 19898 mortes por causas externas na faixa etária de 10 a 19 anos e destas 4,87% foram por suicídio. O número de mortes por esse agravo é maior nos jovens do sexo masculino quando comparados ao sexo feminino na proporção 2:1. O meio de perpetração mais frequente foi o enforcamento em ambos os sexos, seguido das auto-intoxicações no sexo feminino e disparos de arma de fogo no sexo masculino. Dentre as mortes por autoextermínio no período analisado o ano de 1999 apresentou maior proporção de óbitos na faixa etária. Identificaram-se características de risco na população infanto-juvenil em Minas Gerais.
Descritores: Suicídio; Estudos epidemiológicos; Adolescente;


Palavras-chave


Suicídio; Estudos epidemiológicos; Adolescente;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.19175/recom.v0i0.761

ISSN: 2236-6091

DOI:10.19175